Archive

Archive for the ‘Parcerias’ Category

Culto Ecumênico na Praça Afonso Pena

Culto Luciana

Categorias:Eventos, Parcerias

Programação semanal Música no Museu

abril 22, 2013 Deixe um comentário

CLSSICA-PARTITURA

Confira a programação da música clássica com belos espetáculos em espaços lindos, com entrada gratuita.
“É intenção da equipe do JAAJ aproximar nosso leitor da música clássica”, diz Almir Paulo, do Conselho Editorial do jornal.


Programação de 18 a 24 de abril de 2013

18 – quinta-feira – 12h30

Centro Cultural Justiça do Trabalho
Av. Presidente Antônio Carlos, 251 – térreo – Centro
Capacidade: 80 lugares
Músico: Jazztopia – Lennart Goebel (teclado), Wolfram Goebel (sax tenor),
Bruno Collyer (contrabaixo acústico).
Programa: Homenagem ao George Gershwin.

19 – sexta-feira- 15h

Centro Cultural Justiça Federal
Av. Rio Banco, 241- Centro
Capacidade: 82 lugares
Músico: Marcos Leite (Piano)
Programa: Homenagem a Ernesto Nazareth

20 – sábado – 18h

Clube Hebraica
Rua das Laranjeiras, 346 – Laranjeiras
Capacidade: 100 lugares
Músico: Pedro Barros, violão.
Programa: Manuel de Falla, Astor Piazzolla,Pixinguinha, J.S.Bach, Guinga,
Aníbal Sardinha, Baden Powell.

21 – domingo – 11h30

MAM – Museu de Arte Moderna
Av. Infante Dom Henrique, 85 – Parque do Flamengo
Capacidade: 180 lugares
Musico: Grupo Corda. Ana Azevedo – (piano), Nikolay Sapoundjiev – (violino),
Emilia Valova – (cello), Lipe Portinho – (contrabaixo) André Tandeta – (bateria).
Programa: Astor Piazzola.

23 – terça-feira – 20h

Iate Clube
Av. Pasteur, nº 333 – Urca
Capacidade: 150 lugares
Musico: Villa-Lobos in Jazz.
Programa: Bach, Tom Jobim.

24 – quarta-feira – 12h30

Centro Cultural Banco do Brasil
Rua 1º. de Março 66- Teatro II
Capacidade: 155 lugares
Musico: Madrigal Cruz Lopes.
Programa: Tonight, Ennio Morricone, Astor Piazzolla, Bonaventura Soma,
Mozart, Beethoven e Handel.
O programa será acompanhado pela Pianista: REGINA DA COSTA
TATAGIBA
Regência do Maestro: JOSÉ MACHADO NETO

Categorias:Eventos, Parcerias

UPA de Madureira

abril 22, 2013 Deixe um comentário

UPA-Madureira

Inferno, foi no dia 5 de abril, ou será todo o dia?

O JAAJ recebeu carta de Ione Santana, leitora do Jornal Abaixo-Assinado de Jacarepaguá e moradora da Praça Seca, que escreveu sobre o drama que viveu na UPA de Madureira, numa sexta-feira, dia 5 de abril de 2013.

“Dia 05 de abril, cheguei às 16h com meu companheiro Manoel, na UPA de Madureira e somente fui atendida às 21h45, enfim fiquei 5 horas e 30 minutos sem nenhum atendimento com fortes dores abdominais e toda inchada nos pés, braços e barriga. Uma dor insuportável.

Ao chegar me deparei com uma multidão, de cerca 80 pessoas, aguardando atendimento médico. Para minha surpresa encontrei pessoas que tinham chegado às 9h da manhã e àquela hora ainda não haviam sido atendidas. Motivo dessa demora: único médico, doutor Antônio Carlos, de clínica geral de plantão na unidade.

Por volta das 20h, o doutor Antônio Carlos, se dirigiu aos presentes no salão de espera totalmente lotado solicitando paciência e compreensão, e que ele atenderia a todos. O médico esclareceu que o problema da demora era por que dois médicos haviam faltado ao plantão, e somente ele estava atendendo, acarretando todo aquele transtorno.  Por sua vez, o diretor da UPA em nenhum momento teve a coragem de falar com os pacientes para prestar os devidos esclarecimentos e foi embora às 19h.

Quero deixar registrado e parabenizar a atitude do doutor Antônio Carlos que se comportou como um verdadeiro MÉDICO. São profissionais desse quilate que fazem a diferença e honram seu compromisso com a saúde pública. São atitudes como esta do doutor Antônio Carlos que mudamos o Brasil”.

Fica então a pergunta: UPA de Madureira o inferno foi somente no dia 5 de abril ou será que acontece todo o dia o desrespeito com o povo trabalhador?

Categorias:Notícias, Parcerias

Carta da AMAF cobra do prefeito

abril 17, 2013 Deixe um comentário

A Associação de Moradores e Amigos da Freguesia (AMAF) enviou carta ao prefeito Eduardo Paes e ao subprefeito Tiago Monteiro cobrando uma solução sobre o Bosque da Freguesia. Leia na íntegra o documento enviado.

Foto rio sangrador


ASSOCIAÇÃO DE MORADORES E AMIGOS DA FREGUESIA – AMAF

amafreguesia81@yahoo.com.br
A PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO
Ao Sr. Prefeito Eduardo Paes
A/c Subprefeito Tiago Mohamed Monteiro
Rio de Janeiro, 27 de março de 2013

A AMAF aprovou, em reunião dia24/03/13, encaminhar ao Sr Prefeito Eduardo Paes e Subprefeito Tiago Mohamed, este documento, protocolado na Subprefeitura da Barra/Jacarepaguá, comunicando que esteve em reunião 2ª feira, 18/03, com Geraldo Aragão representante do Condomínio RioShopping, cuja demanda referente a construção da Estrada Marginal ao Rio Sangradouro é decorrente do acordo firmado, em 1992, pela Prefeitura e o Grupo da Concessionária Dirija. O motivo da reunião foi para nos comunicar a pauta da Assembléia de 29/03, onde deliberarão sobre o pedido de anulação do acordo de doação feito pela Dirija, que concorda com tal ação, à Prefeitura.
O conflito originado entre a construção da citada via e a preservação do Bosque da Freguesia prolongou-se, acirradamente, até o entendimento entre as partes, em maio de 2003, que buscaram uma solução alternativa; um 3º projeto, que viabilizasse a construção da estrada, atendendo aos interesses do Condomínio RioShopping e preservando o Bosque da Freguesia da derrubada de centenas de árvores existentes no trajeto da via.
O acordo celebrado, em maio/2004, entre as entidades (AMAF, AABF, Grude, AmaAnil e CR Famrio) e o Condomínio RioShopping é fato entre as partes, porém não consumado ainda pela Prefeitura, apesar da finalização do projeto (Processo 06/500.074/07 – 12/01/07) feito pelo então Secretário de Obras Eider Dantas, e que foi entregue ao prefeito à época, em audiência ocorrida em abril de 2007, proposta esta que solucionava o pleito já acordado.
Por fim lembramos ao Sr. Prefeito que a AMAF acompanhou de perto o projeto do Rio Urbe Freguesia, debateu, aprovou e encaminhou a complementação desse o Projeto com a construção dessa via marginal como uma das prioridades necessárias, ao nosso bairro que hoje, 2013, encontra-se a beira da estagnação viária (o trânsito parou por horas dias 26 e 27). Não há mais alternativas viárias de trânsito para o bairro e qualquer possibilidade é valida, necessária e urgente.
Cremos ser a hora adequada para uma ação positiva por parte do Sr. Prefeito, cujo projeto encontra-se em suas mãos, ao pleito da comunidade da Freguesia, moradores, amigos e usuários do Bosque, ambientalistas e lojistas do RioShopping, para não nos ”engarrafarmos” no debate jurídico do “pode-se ou não anular o Acordo de 1992”, ao invés de solucionarmos finalmente e definitivamente o impasse.

Jorge da Costa Pinto
Presidente da AMAF

Secretaria Municipal de educação impõe redução de aulas obrigatórias em “Escolas do Amanhã”

abril 10, 2013 Deixe um comentário

165526 A Secretaria municipal de educação impôs esta semana a diminuição de horas de atividades obrigatórias nas escolas do amanhã do Rio de Janeiro.  O CIEP Luiz Carlos Prestes é um dos exemplos de escolas que possuíam horário de aulas integral, funcionando até às 16h30. A nova proposta é que o horário de aulas se estenda até às 14h30, sendo ministradas disciplinas eletivas até às 16h30.

Os profissionais da direção do CIEP Luiz Carlos Prestes, que conta com mais de 600 alunos, pediram dispensa do cargo, já que a proposta do município não funcionaria na prática. A escola está Localizada na Cidade de Deus, região carente do Rio de Janeiro e tem uma demanda de profissionais. Além disso, é muito importante para os moradores da região que seus filhos estejam em um lugar seguro em período integral.

Só na Cidade de Deus outras duas escolas devem passar por essa reformulação de turno para os alunos do ensino fundamental. Amanhã (dia 4) será realizada uma reunião com os pais dos estudantes afetados. Os profissionais da escola também pretendem fazer um abaixo-assinado em sinal de repúdio à proposta do município.

FONTE: PORTAL DO SEPE
http://www.seperj.org.br/ver_noticia.php?cod_noticia=3883

Categorias:Notícias, Parcerias

Sepe contra projeto de lei que acaba com os cargos de merendeiras, serventes, vigias e zeladores nas escolas

abril 10, 2013 Deixe um comentário

foto_topo

O Sepe está convocando a categoria a comparecer à Assembléia Legislativa, na quarta-feira, dia 10/4, às 14h, quando haverá reunião da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Alerj, que irá analisar nesse dia o Projeto de Lei (PL) nº 2.055/2013, de autoria do governador Cabral, que acaba com os cargos de merendeiras, serventes, vigias e zeladores (funcionários administrativos) da Secretaria de Estado de Educação (SEEDUC). A bancada do governo na CCJ quer aprovar o PL rapidamente e colocar em votação no plenário no mesmo dia.

“Precisamos usar todos os materiais que o próprio jurídico do SEPE está disponibilizando para pressionarmos os deputados a votarem contra o PL do Cabral. O Sepe divulgou no site que existe a possibilidade do PL ser votado. A categoria tem que comparecer na reunião da CCJ e depois, se necessário, lotar o plenário da Alerj na quarta, pois não podemos permitir que o PL seja aprovado”, afirma o professor Márcio Franco.

No texto do PL, o governador mostra todo o seu descaso com o serviço público, privilegiando a iniciativa privada, quando justifica o PL da seguinte forma: “A terceirização dos serviços por meio de empresas especializadas, além de permitir a execução do serviço de forma eficaz, reduz o custo advindo da sua prestação”.

Já neste outro trecho do PL, Cabral ataca a instituição do concurso público: “O provimento de novos cargos, mediante a realização de concursos públicos, importa na criação de despesas com a remuneração dos servidores e com o custeio dos encargos sociais respectivos, de caráter assistencial e previdenciário”. O Sepe não concorda com esta justificativa e afirma que o concurso existe exatamente para tornar mais transparente, democrática e efetiva a administração pública.

O Sepe defende a ilegalidade do PL em carta enviada à CCJ da Alerj, leia um trecho do parecer: “(…) para a valorização da educação pública, vislumbra-se a aplicação do concurso público como princípio vinculante a ser respeitado n processo de seleção de trabalhadores da educação (todos existentes nas escolas), seja para a atividade técnica, pedagógica ou de “apoio” – palavra já abolida em nossa concepção, pois entendemos que esses trabalhadores são parte integrante do processo ensino-aprendizagem que ocorre no ambiente escolar.Para a concretização desse objetivo, faz-se necessária a adoção de medidas propícias ao incentivo e aprimoramento profissional, possibilitar a dedicação exclusiva, assegurar revisão salarial anual, unidade dos trabalhadores(as) para o exercício educacional, determinando-se ainda que o funcionamento das escolas seja gerido apenas por servidores públicos (art.10)”

Categorias:Eventos, Notícias, Parcerias

Em evento, FIA lança novo site do programa SOS Crianças Desaparecidas

março 26, 2013 Deixe um comentário

cartaz em JPG 2012 diario oficial

 

Na Semana de Mobilização Nacional para Busca e Defesa da Criança Desaparecida (25 a 31 de março), a Fundação para a Infância e Adolescência do Estado do Rio de Janeiro (FIA RJ) lançou o novo site e o novo cartaz do Programa SOS Crianças Desaparecidas.

O evento aconteceu no dia 26 de março, na sede da instituição em Botafogo, com apresentação do funcionamento do novo site e suas ferramentas de acesso. Além das informações disponibilizadas pela internet, será permitida a consulta pública, onde o internauta pode pesquisar a idade, nome e detalhes do desaparecimento das crianças aumentando as possibilidades de localização. O site foi desenvolvido pelo Proderj – Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Rio de Janeiro.

Em 17 anos de atuação, o Programa SOS Crianças Desaparecidas possui um índice de 85% de localizados. Contabiliza 3.212 casos cadastrados, onde 2.717 foram localizados. Dos 495 ainda desaparecidos, 416 já são maiores de 18 anos. A ação será contínua na distribuição dos 40 mil novos cartazes, com 75 fotos crianças e adolescentes desaparecidos. Os cartazes, além de distribuídos em eventos e atividades do Programa SOS, podem ser solicitados e pegos na sede da FIA gratuitamente.

A Semana de Mobilização Nacional para Busca e Defesa da Criança e Desaparecida, foi decretada pela Lei Federal 12.393/2011 e ocorre de 25 a 31 de março em todo o território nacional. Dentro desta rede de apoio, o SOS conta com o Ministério Público, Defensoria Pública, Delegacias de Polícia, Disque-Criança Alerj, Juizado da Infância e da Juventude, Rede Nacional de Identificação e Localização de Crianças e Adolescentes Desaparecidos (RedeSAP), os Conselhos Tutelares e os Conselhos de Direitos.

O Jornal Abaixo-Assinado de Jacarepaguá, tem uma singela parceria com a FIA e o Programa SOS Crianças Desaparecidas, e tem divulgado mensalmente fotos e dados de crianças e jovens desaparecidos.

Fundação para a Infância e Adolescência – FIA – (Rua Voluntários da Pátria, 120, Botafogo – RJ)
2286-8337 e 8596-5296 (Programa SOS Crianças Desaparecidas)

Categorias:Parcerias